30 de nov de 2010

De volta as antigas

antigamente
Infelizmente, acabei voltando o template do blog para um modelo mais simples, e bem básico.
Apesar do outro ser um pouco mais com a cara do blog, muita coisa não estava bem lozalizada e
alguns scripts não funcionavam.
Por um tempo vou ficar com esse aquí, para quebrar o galho mesmo e com o tempo, conforme
vou aprendendo HTML, vou ajeitando ele devagar!
Novamante, se alguma boa alma entende de HTML e puder me ajudar, por favor, sinta-se á vontade!
=D
Vamos ver no que dá!
Espero que ninguém se ofenda ou queira me matar apenas porque o design do blog esta bem básico ok?
 
Enjoy

29 de nov de 2010

Louca eu?

 

Eu acho que vi um gatinho...

A notícia de que o governo americano anda preocupado com a saúde mental da presidente da Argentina, mexeu com o orgulho sempre abalado dos argentinos.

Após uma percorrida pelas noticias publicadas nos jornais portenhos possuem um ar de revolta e patriotismo-abalado. Por quê?
Desde sempre os argentinos têm esse lado emo-revoltado-abalado-sofredor para com o americanos.
Hoje, esse sentimento veio a tona mais uma vez.
O mais impresionante é que quase todos os argentinos não se importam que a presidenta, pode não ser capaz de governar o país devido a sua provável descapacidade mental.
Pelo que se sabe, Cristina Kirchner vive a base de medicamentos e ainda por cima, é bipolar.
Uma vez ou outra algum de seus acessores mais próximos, acabam confesando crises histéricas, ataques nervosos dentro da casa rosada.
O que a presidenta tem a perder com isso: bom, quase tudo.
Se por um acaso, depois dessas informações do Wikileaks, resolverem fazer uma investigação mais profunda, e se por acaso, ficar provado que a presidenta não possui capacidade mental para governar, pode sim, ser destituida do cargo.
Mas enquanto a casa rosada supostamente é um hospicio, argentinos e argentinas se preocupam mais com o orgulho, que para eles, os americanos fazem questão de tocar, sempre que podem.
E o que acontece quando um americano visita a cidade? Depende: Se ele é turista e tras dinheiro, é o mocinho, se passa o contrario, é o vilão.
É preciso viver para entender…
 
Enjoy

22 de nov de 2010

Medo de seguir em frente

seguir-em-frente

É incrível, mas quase todas as pessoas que me escrevem, um dos maiores fatores que impedem de tentar uma novida vida é sem dúvida o medo. Semana pasada conversando a Patricia, que de longe já virou uma amiga, estavamos falando justamente sobre o medo de mudar-se para Buenos Aires e o que muda na nossa vida muda, quando estamos nessa fase de mudanças. Hoje, dando uma olhada pela internet, encontrei um texto e acabei adaptando ele. E fala justamente sobre isso: o MEDO.

Esta energia nasce em nossa mente pela exclusiva responsabilidade dos nossos pais e até mesmo de alguns professores nas escolas básicas, antes da criança completar sete anos.
Se não ficar quieto o Bicho Papão vem te buscar...
Olha, é melhor obedecer senão a Bruxa vai aparecer...


Pronto, está instalado o medo. Acabamos de criar insegurança em mais uma essência e este sentimento, esta energia irá permanecer conosco até que o eliminemos. Quem pôs é incapaz de tirar. Esta tarefa, a da eliminação deste sentimento, é exclusivamente de nossa competência.
É o medo que nos leva ao sofrimento, pois nos tira a capacidade de auto-superação. Ficamos dependentes de valores familiares, éticos, morais, religiosos e sociais que são arcaicos e ultrapassados. Queremos, desta forma, SEMPRE o nosso ninho. Não importa se ele, o ninho, não está muito bom e até mesmo desconfortável. Não ousamos buscar novas oportunidades.
Quem é o responsável de tudo isso?
Ele, o MEDO.
Sempre - e nunca encontrei um caso que fosse exceção nas pessoas que ajudo -, o maior vilão é invariavelmente o medo. Ele gera uma enorme insegurança que assim não permite que o indivíduo possa se aventurar em nova vida.
Crie novos valores. Abandone conceitos que de nada servem para si e comece nova vida.


Todos sabem que é “mais seguro” ficar como está. Esqueça o que os outros esperam de você. Siga o que você quer de você. Isso significa ser feliz. Os infelizes vivem para os outros; confundem auto-estima, amor próprio com egoísmo. O egoísta é doente e não sabe. Os outros, que se amam e se respeitam, são felizes e cantam.
Sabe qual o resultado desta estagnação?
Não... Pois vou te revelar: DOENÇA.


Algum órgão do corpo físico, mais cedo ou mais tarde, vai acabar recebendo o resultado desta falta de atitude. A má energia criada vai se instalar em algum lugar. Não se esqueça de avaliar que já não queremos mais ser o que somos. Este conflito exige mudança.
Sim, antes de ficarmos doentes no corpo físico, nós adoecemos no corpo emocional. Deste, o emocional, para o mental é apenas uma questão de tempo. E daí para o corpo físico também é uma questão de horas ou dias. TODAS AS PESSOAS, HOJE FISICAMENTE DOENTES, FICARAM EMOCIONALMENTE ABALADAS ONTEM.
Desta maneira criamos um trinômio interessante. Primeiro o SOFRIMENTO, na seqüência a necessidade de um SACRIFICIO para sair dele e, para materializarmos tudo isso, precisamos que não exista MEDO.


Estas sofrendo? Ótimo, isso é um sinal para que você inicie nova vida e não para que amanhã adoeça.
Se você ficar com Me + dó = Medo (tenham pena de mim...), se permitir que esta energia te domine, estará esquecendo de olhar para o seu eixo e de tomar assim as medidas que a vida exige que sejam executadas para expandir o processo evolutivo.
TOME ATITUDES. Todas exigem pagar um preço. Não existe construção sem destruição. Para se construir uma casa é preciso destruir o terreno. Fazer buracos para que o alicerce seja edificado.
Crie um grande buraco dentro de sua mente e o deixe pleno de AMOR. Depois FAÇA, ATUE, ANDE E PARE DE SE LAMENTAR.
Para acabar com o sofrimento precisamos realizar um sacrifício, para realizarmos o sacrifico precisamos acabar com o medo e a felicidade só existe sem eles.

Para de sofrer porque uma nova vida cheia de esperiência esta por surgir na sua vida. Dê uma chance para você mesmo e aproveite, porque na vida, algumas oportunidades demoram para surgir novamente.

Enjoy

21 de nov de 2010

CBC e UBA XXI em 2011

tempo de estudo

Fim de ano chegando e o próximo ano já esta quase aí.

Para as pessoas que querem estudar na UBA, é preciso ser aprovado em todas as matérias que o curso a sua escolha exije. Não sabe ainda qual as matérias que do seu curso? Clique aquí = http://www.cbc.uba.ar/dat/cbc/materias.html

Depois consultar as materias é preciso escolher qual o caminho a percorrer. Já expliquei aquí o que é cada tipo de CBC e para resumir:

CBC – As aulas sao presenciais

UBA XXI – Você estuda na sua casa e faz as provas em datas determinadas. (ainda existe a opcao de ir as “tutorías” que sao aulas para tirar as duvidas)

Para o CBC, as datas de inscrições já estao abertas e variam de acordó com a primeira letra do seu sobrenome (no caso de tiver mais de um, o que conta é o primeiro).

Abaixo coloco a tabela com as devidas datas de acordo com a pagina do CBC. Para maiores informações clique aquí http://www.cbc.uba.ar/index.html

 

Letras

Datas de Inscrições

 
A -B 4, 5, 6 de octubre

5, 8 de noviembre

C - D

7, 8, 12 de octubre

9, 10 de noviembre

E - F- G

13, 14 , 15 de octubre

11, 12 de noviembre

H - I - J - K - L

18, 19, 20 de octubre

15, 16 de noviembre

M - N - Ñ - O

21, 22, 25 de octubre

17, 18 de noviembre

P - Q - R

26, 28, 29 de octubre

19, 22 de noviembre

S - T

1, 2 de noviembre

23, 24 de noviembre

U - V - W - X - Y - Z

3, 4 de noviembre

25, 26 de noviembre

 

 

Para o UBA XXI as inscrições estarão abertas a partir de fevereiro e terminam em março. Para maiores informações clique aquí http://www.uba.ar/academicos/uba21/index.php

Se você quer dar uma olhada no conteudo dos anos anteriores? Existe uma página especializada nisso e é totalmente gratis: http://www.altillo.com/

 

Enjoy!

12 de nov de 2010

Dez Mil!

10mil3

Há algum tempo eu venho anúnciando aqui que o blog alcançaria os dez mil visitantes e assim se fez.

Mais de 10.000 pessoas já passaram por aqui, pedindo ajuda, conselhos, alguns desabafos, algumas histórias que dão calafrio, e muitas que são exemplos de vida e determinação. E cada pessoa que passou acabou deixando um pedaço de si.

Pessoas que guardam dentro de si o verdadeiro sentido de viver, de tentar o novo, de vencer os medos, da vontade inevitável de percorrer o imprevisível. Algumas estão sozinhas, outras acompanhadas, outras nem sabem com quem estão. Mas enfim, pessoas que deixaram, ou deixarão, amigos, sua casa, sua cidade, sua escola ou faculdade e familia para trás e partirão para o desconhecido.

Algumas já chegaram com malas e móveis, outros apenas com uma mochila nas costas. Algumas choraram ao sair e ao chegar, outros sorriram, se emocionaram.

Para alguns que ainda não chegaram, resta a incerteza e a esperança. Para nós os que já estamos, nos resta a força e a garra de seguir em frente depois de passar por tudo o que passamos por aqui. E ainda temos muito pela frente.

Como diz o velho ditado: “Quando uma porta se fecha, outras cem se abrem”.

Cada pessoa é um mundo de experiências, de histórias, de sonhos. Pergunte para qualquer um dos que estão aqui, pelo que já passamos e tenho certeza que milhares de palavras sairão da boca acompanhadas de olhos lacrimejantes de emoção.

A cada um dos dez mil que já passaram por aqui, muito obrigado. Muito obrigado mesmo. E um agradecimento ainda maior, para aqueles que através dos vários emails, já se tornaram amigos e companheiros de aventura.

Um forte abraço á todos e espero ajudar outros dez mil!

Enjoy!

8 de nov de 2010

Aluguel em Buenos Aires

Alquilar é alugar em espanhol

 

Uma das maiores dúvidas de quem procura a minha ajuda através de email, é como alugar um apartamento. Hoje, vou falar um pouco desse assunto, já que além de mim, tira o sono de muita gente.

Primeiramente, você precisa saber que 2 existem maneiras de alugar um apartamento:

1 – Com garantia: A garantia é quase praticamente o mesmo que ter um fiador no Brasil, com uma grande diferencia: O garante (fiador) precisa ter um imóvel ou algum bem em seu nome, e tudo na Capital Federal. Existem algumas imobiliárias que aceitam as garantia de Gran Buenos Aires, ou seja, que a pessoa (garante) tenha a propriedade fora da capital.

2 – Tratando diretamente com o dono: Ou seja, que ele não exija a garantia. O que é raro, difícil e quase impossível. Se você encontrou algum apartamento assim, acredite, você tem muita sorte.

Mas ai vem aquela pregunta: Como você, estrangeiro, sem parentes aqui, sem amigos, faz para ter uma garantia?

A compra de garantias é um assunto polêmico na capital Argentina. Uns dizem que é ilegal, outros dizem que não. No final, não é ilegal, mas é preciso tomar algumas precauções para não ser enganado.

O banco Superville, faz a venda de garantias e existem muitas imobiliárias que possuem um convênio com o banco, facilitando ainda mais o processo. Para comprar uma garantia do banco, é preciso ter mais de 3 anos de residência na Argentina, abrir uma conta no banco e apresentar os últimos 6 recibos de salario. Fácil né? Nem tanto.

O problema é o tempo mínimo de 3 anos que exige o banco. Para quem recém chegou no país, ou seja, essa é uma idéia descartada…

Existem empresas particulares que vendem a garantia, mas que cobram o preço de 1 aluguel e meio. Por exemplo: Se o aluguel sai 1000 pesos por mês, você terá que pagar pela garantia 1500 pesos.

E como último recurso, você pode comprar a garantia, diretamente de uma pessoa que trabalha com isso. Muita gente tem medo de ser enganado, já que muitas desses “vendedores”, pedem o pagamento adiantado da garantia. Se isso acontecer com você, não pague!

Com a lista na mão, é preciso ver os bairros onde você gostaria de morar. Bairros como Palermo, Recolleta, Villa del Parque, Parque Patrícios, Caballito e Belgrano, são os que eu conheço e recomendaria. Com os demais, é preciso ter cautela e pesquisar com pessoas que moram ai. Eu vivo em Constitucion e não recomendo para ninguém. =D

A nosso grupo no facebook  é uma boa fonte de consultas:

http://www.facebook.com/groups/245634292120486/

Antes de decidir, pergunte, pesquise e se informe!

Aqui abaixo, coloco alguns sites que uso para procurar apartamentos.

www.segundamano.com.ar

www.clarin.com.ar (classificados)

www.lanacion.com.ar (classificados)

www.soloduenos.com.ar

www.compartodepto.com.ar

www.vivavisos.com.ar

www.argenprop.com

www.buscainmueble.com

www.zonaprop.com.ar

www.buenosairesdepartamentos.com

 

Espero ter  esclarecido algumas das dúvidas de quem quer viver em Buenos Aires.

 

Enjoy!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Ajude a divulgar o blog

create your own banner at mybannermaker.com!
Copie o códido abaixo no seu site para exibir esse banner!