28 de mar de 2012

Residência no Brasil ou na Argentina?

 

Caminho1

O assunto é polêmico e sempre foi motivo de grande debates no grupo lá no facebook.

Tanto que resolvi trazer ele aqui no blog.

Muita gente indica que o melhor é tirar todos os documentos aqui na Argentina, por ser mais barato.

É preciso ter um pouco de bom senso nesse tipo de indicação. Muitas pessoas, e muitas pessoas mesmo, não possuem recursos financeiros para esperar pelo turno para "começar" o processo da residência ( que hoje leva em torno de 4 meses até o turno e mais 90 dias pelo DNI no mínimo ). Muitas pessoas ao lerem o favoritismo para a obtenção dos documentos aqui, acham que vão chegar, marcar o turno e já saem com o documento. E a realidade é outra. É preciso esperar, e até lá, o dinheiro vai saindo. Existe um grande número de brasileiros que vendem tudo o que têm lá no Brasil, atrás do sonho de viver em Buenos Aires.
Todo mundo sabe que para encontrar um trabalho que pague o suficiente, é preciso ter a residência. Pelo contrário, precisará encontrar um sub-emprego. Eu mesmo passei por isso e também falo por experiência própria. Fiquei 4 meses sem trabalho até conseguir a residência e mais algum tempo até conseguir um emprego. Mandava meus CVs todos os dias, me ligavam e quando eu dizia que ainda não tinha a residência, na hora, eu perdia a vaga e com ela, iam partes dos meus planos.
Eu recomendo principalmente as pessoas que não possuem recurso$, que tenham em conta duas coisas: Juntar uma graninha a mais, tirar os documentos no Brasil, chegar aqui e já conseguir trabalhar. Ou juntar uma grana do mesmo jeito, chegar aqui com a consciência de que só depois de 4 meses você conseguirá trabalhar registrado.

Essa é a minha opinião, de uma pessoa que precisou ralar muito no Brasil pra chegar aqui, e ralei ainda mais, porque não tinha a residência. No último round, dei a volta por cima e continuo batalhando, centavo por centavo, dia a dia, sol a sol.

Tanto eu, como muitos blogueiros, que somos pessoas que hoje, em certo ponto, somos a única referência para muita gente lá no nosso país, precisamos pensar bem, o que vamos dizer em nossos blogs. Mostrar a verdade é a missão de todo o blogueiro.
Apesar de talvez eu não ter a mesma base financeira de que muitos aqui, eu sempre tive comigo de que muitas das pessoas que me escrevem, como também devem escrever á outros daqui do grupo, que estamos lidando com o sonho de muitas pessoas.

Abençoados dos que nasceram em berço de ouro e não tiveram que se preocupar em trabalhar. Só a gente sabe o que é perder o sono, por falta de grana e não conseguir um trabalho...

E você? Qual a sua opinião?

3 comentários:

  1. Oi Junior, eu sou totalmente a favor de fazer os docs direto na Brasil tb! Eu fiz assim e foi muito mais fácil arrumar um emprego. Já cheguei aqui com o envelope de "sobre consular" e só agendei pela internet pra retirar meu DNI... Resumindo, recebi meu CUIL com 1 semana e o DNI (na mão) com apenas 1 mês que estava em Baires... Ainda mais que no meu caso eu morava no Rio e tinha um Itamaraty bem no centro e não demorava nada nada pra reconhecer os docs...

    ResponderExcluir
  2. Olá Junior, tudo bem!?
    Falo de Goiânia - GO.
    Qual seu email, skype, msn para tirar algumas dúvidas contigo por gentlieza!???

    gde abxx

    Gustavo Teles.

    ResponderExcluir
  3. Olá, Jr. No caso para solicitar a residência temporária no Brasil é só pedir, mesmo sem ter registro em instituição de ensino ou intenção de?
    Depois de aprovada esta residência de 2 anos, o que precisa ser feito para conseguir a definitiva? obrigado desde já...
    flavio

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Ajude a divulgar o blog

create your own banner at mybannermaker.com!
Copie o códido abaixo no seu site para exibir esse banner!